Presidente avalia 4 anos de mandato
Presidente avalia 4 anos de mandato

O vereador Clovis Barbosa de Andrade exerceu o mandato de presidente da Câmara de Monções por duas legislaturas seguidas. De 2015 a 2016 e de 2017 a 2018.

Ele faz um balanço de seu mandato.

Total de duodécimo devolvidos até a presente data, no montante de R$ 297.852,34, assim especificados:

Exercício de 2015: R$ 82.580,14
Exercício de 2016: R$ 75.782,31
Exercício de 2017: R$ 99.489,89
Exercício de 2018: R$ 40.000,00 (vou devolver mais até final do exercício)

Investimentos no Legislativo: Desde o primeiro ano de mandato, o principal desafio são os investimentos no legislativo, administrar com responsabilidade, nem sempre as decisões são entendidas e muitas das vezes criticadas sem o real conhecimento dos fatos.

Estamos instalados num prédio velho, antigo, que necessita constantemente de adequações e reparos, talvez, sendo este o maior desafio da minha gestão e da futura presidência.

Durante os quatro anos de minha gestão foram adquiridos equipamentos como computadores, ar condicionados, móveis, necessários a manutenção do Legislativo. Foi colocado toldo na frente da Câmara, trocado geladeira, armário cozinha, trocadas todas as cadeiras do plenário, reformado todos os bancos que estavam rasgados e deteriorados pelo tempo e uso.

Este ano, foi o ano de maiores problemas estruturais, sendo trocado o toldo de pvc que protegia a rampa de acesso a câmara, que estava totalmente deteriorado, e talvez uma das minhas maiores conquistas foi a construção da rampa de acesso e mobilidade da câmara municipal, como órgão público temos que garantir a acessibilidade e mobilidade a todos aos prédios, a rampa existente era única com uma inclinação inadequada dos padrões de engenharia, mas Graças a Deus, consegui garantir o direito a acessibilidade de pessoas deficiente ou com mobilidade reduzida ao prédio da câmara.

Nessa mesma linha, como o prédio é antigo, antigamente funcionava parte dos departamentos da prefeitura, diga-se de passagem, até hoje, parte do arquivo antigo da prefeitura, ainda se encontra no prédio da câmara, e assim tínhamos um banheiro com escada e uma cozinha desativada onde foram encontrados por inúmeras vezes escorpiões pelos servidores do executivo. Como solução dos problemas, essas duas áreas deixaram de pertencer ao prédio da câmara, servindo atualmente ao pátio da garagem da prefeitura.

Foi construído um novo banheiro, com total acesso a pessoas portadoras de deficiências, com medidas e padrões dentro da legislação em vigor. Mas há muito a ser feito ainda, o teto do prédio é antigo, já foi alvo de inúmeras intervenções e reparos, com chuvas mais fortes como tivemos recentemente chove dentro, colocando em risco equipamentos e documentos, sendo este um dos problemas a ser resolvido pela próxima gestão, a reforma total do teto do prédio para garantir a segurança de todos, um teto com quase cinquenta anos precisa ser trocado, e para isso necessita de dinheiro, e não é barato.

As adequações das normas de segurança, vistoria dos bombeiros, é outro fator a ser enfrentado pela nova presidência, sendo o ideal a construção de um prédio novo. Termino minha gestão com certeza que fiz o que esteve ao meu alcance para o bom andamento do Legislativo.

Agradeço imensamente a todos os vereadores, que me acompanharam nestes quatro anos, principalmente a atual gestão, que sempre tiveram meus balancetes a disposição, que sempre fiscalizaram e concordaram com minhas iniciativas. Uma presidência não é um ato isolado, estou aqui representando todos os vereadores, que sempre me apoiaram e compartilharam das minhas idéias e iniciativas, sem exceção, os nobres pares, os atuais vereadores nunca defenderam os interesses particulares, e sim o bem coletivo, nunca tivemos uma oposição na câmara, mas parceiros que sempre apoiaram esta presidência, e juntos sempre trabalhamos em harmonia com o Poder Executivo.

Nem sempre agradamos a todos, mas o homem que está na vida pública já entra aberto as críticas, sei que fiz o meu melhor. Desejo a próxima Presidência a ser escolhida no próximo dia 18 de dezembro, que tenha muito sucesso; quando estamos de fora, muitas vezes criticamos, falamos o que não temos conhecimento, mas na prática a realidade é outra, os problemas são diários e temos que encará-los, um dia somos pedras outro somos vidraças.

Termino muito feliz, pelas conquistas realizadas, pelo trabalho empenhado, agora somo aos demais vereadores, deixo de ser a vidraça e passo a somar para que juntos tenhamos uma Monções cada dia melhor.